4 Títulos de Crédito Privado que vale a pena conhecer

Você sabia que investir em renda fixa não está limitado às aplicações mais conhecidas? Para diversificar sua carteira e aproveitar outras oportunidades, é interessante conhecer os títulos de crédito privado.

Emitidos por empresas privadas ou por securitizadoras, eles podem apresentar algumas características específicas em relação a outras opções. Em alguns casos, há benefícios quanto à tributação.

Continue a leitura para saber mais! A seguir, você conhecerá 4 opções de títulos que merecem a sua atenção!

 

O que é crédito privado?

O crédito privado representa títulos emitidos por instituições financeiras e empresas. Na prática, funciona como um empréstimo, assim como outras aplicações de renda fixa. Assim, pode ser uma maneira de obter rentabilidade a partir da taxa de juros oferecida.

 

4 Títulos de crédito privado para conhecer

Na sequência, veja 4 opções de títulos de crédito privado que vale a pena conferir!

1. CRI e 2. CRA

Essas são siglas para Certificado de Recebíveis Imobiliários e do Agronegócio, respectivamente. Os recursos captados nos títulos são aplicados por empresas securitizadoras em projetos dos setores indicados.

Uma das principais vantagens das alternativas é que são isentas de Imposto de Renda. Assim, o investidor pode ter retorno mais substancial, por não precisar pagar imposto.

 

3. Debêntures

As debêntures são títulos de dívidas de empresas privadas — de diversos setores e tamanhos. O capital dos investidores é geralmente usado para que o negócio quite dívidas ou realize investimentos.

Os títulos tradicionais têm cobrança de Imposto de Renda. No entanto, as debêntures incentivadas são isentas. O benefício existe porque elas correspondem a setores de infraestrutura, que é considerado uma área central para o desenvolvimento do Brasil.

 

4. FIDC

O Fundo de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC) também é um título de crédito privado. Ele tem como foco os direitos de recebimento de valores por parte de uma empresa. É o caso das contas a receber, das duplicatas e dos cheques.

As empresas, então, oferecem os títulos para investidores. Assim, podem aumentar a liquidez do fluxo de caixa e otimizar a gestão financeira corporativa, por exemplo. No prazo acordado, a empresa realiza o pagamento de rentabilidade dos investidores.

A tributação do Imposto de Renda acontece via tabela regressiva. Com isso, há como alcançar uma alíquota de 15%, que é o menor percentual possível, ao manter o investimento por 720 dias ou mais nesse tipo de título.

 

Quais são os riscos de investir em crédito privado?

Apesar de serem alternativas de renda fixa, é importante lembrar que não significa que esses títulos estejam livres de riscos. Em especial, porque o crédito privado não tem cobertura do Fundo Garantidor de Crédito (FGC).

Então, um cuidado importante é observar a capacidade de pagamento da empresa. A indicação é avaliar bem as condições da companhia e o histórico de pagamento, certificando-se de ela oferecer a segurança que você deseja.

Lembre-se de que, diante de uma instabilidade de mercado ou mesmo de problemas na gestão, o pagamento dos títulos pode ser prejudicado. Então, os riscos das aplicações devem ser considerados antes da sua decisão.

Como você viu, os títulos de crédito privado trazem alternativas de investimentos de diversos setores e portes de empresas. Ao considerá-las, é preciso avaliar seu perfil e seus objetivos para saber se realmente vale a pena correr os riscos que estão associados a elas.

Quer saber mais sobre as alternativas? Entre em contato conosco. Nós ajudamos você!

Vamos Conversar?

Compartilhe esse conteúdo

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter

Mercado Financeiro

Receba nosso Conteúdo

Fique por dentro do mercado financeiro.

Últimas Notícias

DISCLAIMER

As informações aqui apresentadas são genéricas e não devem ser consideradas como uma recomendação individualizada ou conselho de investimento personalizado . As estratégias de investimento mencionadas aqui podem não ser adequadas para todos. Cada investidor precisa avaliar uma estratégia de investimento levando em conta a sua própria situação particular e o seu perfil antes de tomar qualquer decisão de investimento.

Todas as opiniões expressas estão sujeitas a alteração sem aviso prévio em reação à mudança de condições de mercado. Eventualmente são apresentados aqui dados de terceiros considerados fontes confiáveis. No entanto, a precisão, integridade ou confiabilidade desses dados não pode ser garantida. Nós não recomendamos o uso de análise técnica como um único meio de pesquisa de investimento.

A informação sobre investimentos fornecida pode não ser apropriada para todos os investidores, ela é fornecida sem respeito a sofisticação financeira do investidor individual, situação financeira horizonte de tempo de objetivo ou tolerância ao risco. As apresentações aqui divulgadas são apenas para fins educacionais e não são uma recomendação ou endosso de qualquer estratégia de investimento em particular. O desempenho passado não indica nem garante o sucesso futuro. O retorno irá variar e todos os investimentos envolvem riscos, incluindo a perda do principal.

Nada contido neste espaço constitui uma solicitação, a recomendação, promoção, endosso ou oferta da Target Invest de qualquer título particular, transação ou investimento. Por favor, lembre-se que as comunicações neste site são públicas, por isso, proteja sua própria privacidade e trate outros participantes com respeito. Por favor saiba que nós monitoramos comunicação neste site e proibimos qualquer solicitação, oferta de produto ou serviço ou comentários inadequados.
Este conteúdo tem propósito exclusivamente informativo e se baseia em dados estatísticos, metodologias probabilísticas, fatos concretos do mercado financeiro e em resultados financeiros apurados. Em nenhum momento, o conteúdo desta mensagem representa opiniões pessoais ou recomendações de investimento financeiro de qualquer natureza.

Este material foi elaborado pela Target Invest, sendo extremamente proibida sua cópia ou publicação sem autorização prévia.